Movimento dos consumidores nas lojas recua em março

Por: Raisa Covre 629 views

Indicador analisado pela Serasa Experian aponta baixa em todos os setores analisados. Veja os resultados de cada segmento

Shutterstock

Em março, o movimento dos consumidores nas lojas brasileiras apresentou queda de 1,9% com relação ao mesmo período do ano passado. Os números são do Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, já efetuados os devidos ajustes sazonais. Em relação a fevereiro, houve um avanço de 0,6%.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!

No período, todos os segmentos analisados pelo indicador apresentaram recuo na comparação anual. Os setores que mais sentiram o impacto da baixa movimentação de consumidores foram Materiais de Construção (-13,1%), Tecidos, Vestuários, Calçados e Acessórios (-12,8%), Móveis, Eletroeletrônicos e Informática (-11,6%) e Veículos e Motos e Peças (-9,6%).

Os setores menos afetados foram Combustíveis e Lubrificantes e Supermercados, Hipermercados, Alimentos e Bebidas, com baixas de 1,6% e 4,5%, respectivamente. Na comparação mensal, esses mesmos segmentos foram os únicos que apresentaram resultados positivos: alta de 1,7% no primeiro e de 0,8% no segundo.

Os economistas da Serasa Experian apontam que fatores como a queda da inflação, o recuo das taxas de juros e uma melhora dos níveis de confiança do consumidor estão começando a provocar efeitos positivos pontuais, como observado nos resultados mensais do indicador. No entanto, o movimento não se dá de forma generalizada.

Carregando...

Carregando... por favor, aguarde.