Pequenos empresários estão otimistas, mas não sabem explicar o porquê

Por: Raphael Coraccini 485 views

Maioria dos micro e pequenos empresários estão confiantes no futuro dos seus negócios e da economia, mas não sabem justificar o otimismo

Crédito: Shutterstock

Mais de dois terços dos micro e pequenos empresários estão otimistas com o futuro da economia e dos negócios, porém, a maior parte não sabe explicar os motivos desse sentimento. Segundo índice do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), 65% dos empresários dessas categorias estão confiantes no futuro, mas 44% entre os otimistas não sabem dizer o motivo.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!

Entre os confiantes, apenas 26% apontam a melhora nos indicadores econômicos e 11% creditam uma possível melhora à resolução da crise política. Em outubro, o Indicador de Expectativas, que compõe o Indicador de Confiança do Micro e Pequeno Empresário, foi o mais alto desde sua criação, em maio de 2015, e registrou 62,7 pontos na escala de otimismo – que vai até 100 – para os próximos seis meses, dois pontos a mais que o índice de setembro.

O Indicador de Confiança do Micro e Pequeno Empresário contempla também o Indicador de Condições Gerais, que mede a avaliação que os empresários fazem dos seis meses anteriores. O passado recente dos pequenos negócios e do cenário econômico, segundo avaliação dos empresários, é ruim, alcançando, em outubro, 39,3 pontos na  escala de 0 a 100, com 100 sendo a máxima avaliação positiva. Apesar da má avaliação, é também o melhor patamar do Indicador de Condições Gerais desde maio de 2015.

Carregando...

Carregando... por favor, aguarde.